Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Sessão da Meia Noite

Comentários pessoais e (in)transmissíveis sobre cinema e televisão.

Sessão da Meia Noite

Comentários pessoais e (in)transmissíveis sobre cinema e televisão.

Star Trek Beyond

Uma das sagas imperdíveis no Sessão da Meia Noite é a dos filmes Star Trek - O Caminho das Estrelas. Desta vez, vamos falar sobre a mais recente adição a este universo, que é o terceiro filme do seu mais novo reboot, e o décimo terceiro filme desta saga, desde o seu início em 1979.

 

star-trek-beyond 1.jpg

Star Trek Beyond - Star Trek Além do Universo, 2017, de Justin Lin, com Chris Pine, Zachary Quinto, Karl Urban, Zoe Saldana, Simon Pegg, John Cho, Anton Yelchin, Idris Elba, Sofia Boutella, Joe Taslin, Lydia Wilson, Deep Roy, Melissa Roxburgh, Anita Brown, Doug Jung, Shohreh Aghdashloo, Greg Grunberg, Jeff Bezos.

 

Depois dos dois filmes sob a batuta de J.J. Abrams - Star Trek (2009) e Star Trek into the Darkness (2013), o terceiro episódio desta nova encarnação da saga foi entregue a Justin Lin, cujo currículo incluí quatro filmes da odisseia de Velocidade Furiosa.

 

O filme continua a narrativa cronológica dos dois filmes anteriores, e inicia-se com o Kirk (Chris Pine) a repensar o seu futuro na Starfleet. Sem este saber, Spock (Zachary Quinto) também equaciona uma mudança de carreira, nomeadamente a hipótese de seguir os passos do Embaixador Spock (Leonard Nimoy), recentemente falecido, na continuação da cultura dos Vulcanos.

 

star-trek-beyond 2.jpg

 

Mas, como é habitual nestes filmes, um desafio é colocado à Starfleet, que só a Starship Enterprise está equipada para lidar e, materializando o lema original deste universo "to boldly go where no man has gone before", Kirk e a sua tripulação abraçam esta nova aventura.

 

Um salvamento por território espacial fora dos mapas astrais, contra uma raça desconhecida (e ainda não nomeada no universo Star Trek, simplesmente referidos como The Swarm), cujos ataques e naves funcionam como se de um enxame se tratasse, altamente coordenadas, e com uma capacidade de destruição imensa.

 

Kirk e seus companheiros terão que lidar com a ameaça nova, cujos comportamentos rapidamente revelam uma emboscada com vista à destruição de Star Fleet e à United Federation of Planets.

 

star-trek-beyond 3.jpg

 

Esta nova raça é liderada por Krall (Idris Elba), um ser que tem um ódio enorme pela Federation e que, como vamos descobrindo ao longo do desenrolar da história, tem mais semelhanças com os humanos que originalmente se poderia pensar.

 

Após uma chegada muito atribulada ao planeta de Krall, os nossos heróis conseguem "recrutar" a ajuda de Jaylah (Sofia Boutella), uma fêmea de uma espécie nova, cuja nave já havia sido destruída por Krall.

 

star-trek-beyond 4.jpg

 

Esta aventura de Star Trek é visualmente muito semelhante às duas anteriores, e acrescenta mais um capítulo à já longa história de Kirk, Spock e companhia.

 

Apesar de no Sessão da Meia Noite sermos grandes fãs desta saga, este filme não trás nada de muito novo. Não há nada muito inovador ou diferente, parece somente mais um episódio. Não deixa de ser um bom filme e, os verdadeiros apreciadores de ficção científica não deixarão passar este filme sem uma espreitadela.

 

star-trek-beyond 5.jpg

 

Como nosso favorito mencionamos o Scotty de Simon Pegg, no seu misto de comédia e competência, aos comandos da engenharia da Enterprise e companhia.

 

Um menção especial também para Anton Yelchin (com Pavel Chekov) que teve aqui o um dos seus últimos desempenhos.

 

Classificação SMN: 8/10.

 

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.